13 fevereiro de 2017 Artigos,Notícias Nenhum comentário

Planejamento de carreira e crescimento profissional andam lado a lado. Entender que um futuro promissor depende das atitudes que você toma no presente vai te ajudar a estabelecer metas e projetar novas ideias. Aproveite que o ano está só começando e tente mudar suas atitudes, planejando com consciência e determinação a sua carreira.

A primeira coisa que você deve pensar é: “Como está o meu trabalho?” Como você se enxerga hoje e nos próximos 5 anos? Estará no mesmo lugar, fazendo as mesmas coisas ou tem maiores ambições? Sentir prazer e motivação para trabalhar todos os dias é o primeiro passo para um bom planejamento profissional, pois vai te mostrar logo de cara o real valor do seu trabalho.

Se destacar profissionalmente exige dedicação, compromisso, força de vontade, vocação e claro, muito planejamento. Nada é impossível, desde que você enxergue com clareza a realidade ao seu redor. O fator humano é a principal fonte de satisfação no seu trabalho. E quer uma dica? Só depende de você.

Mapeie suas competências

Muitas vezes só damos atenção aos nossos defeitos. Esquecemos de dar valor às qualidades que já temos desenvolvidas e acabamos perdendo o foco. Pensando nisso é importante mapear as suas competências (de preferência escrevendo em um papel) para deixar claro a você mesmo quais são seus pontos fortes. A partir daí, ao invés de se dedicar a melhorar suas limitações, dedique-se a desenvolver com mais profundidade as suas qualidades.

Determine seus objetivos

Todo planejamento parte de um objetivo, e saber o que você quer e aonde quer chegar é somente um dos pontos da teia que você deve criar para estabelecer o seu plano de carreira. Ter esses objetivos ao alcance dos olhos é uma excelente maneira de lembrar todos os dias qual o seu propósito profissional. Além disso é preciso ser bastante detalhista na elaboração: ao invés de falar “quero ganhar mais”, estabeleça um objetivo mais tangível, como por exemplo “quero investir em uma casa própria até 2020”. Dessa maneira fica mais fácil entender os passos que você deve dar para alcançar o que tanto almeja.

Autofeedback e coaching

Conhecer a si mesmo, na vida pessoal e profissional, é fundamental. Depois de mapear suas competências, chega a hora de colocá-las em desenvolvimento e documentar sua evolução. Praticar o autofeedback tornará sua vida profissional mais clara e objetiva, além de facilitar a tomada de decisões nos assuntos externos. O coaching vai ajudá-lo a se conhecer melhor e a entender suas capacidades e dificuldades, a fim de que você se torne um líder de sucesso.

Planejamento profissional 360º

Agora que você já viu algumas atitudes para planejar com consciência sua vida profissional é necessário praticá-las em círculo. Ou seja, são atitudes cíclicas, que exigem disciplina e constância. Dessa forma você vai perceber as evoluções na sua trajetória e ir estabelecendo novos objetivos na medida que os outros são atingidos. As palavras de ordem são: foco, determinação, atitude e disciplina. Boa jornada!

 

Escrito por Ação Gerencial