jovem gestor capa

Já é um fato bem comum no mundo dos negócios: muitos colaboradores têm trabalhado em empresas por mais tempo do que os anos de vida de certos CEOs, gestores ou gerentes. Como tirar proveito deste cenário sem estresse ou embate entre gerações? Confira algumas dicas abaixo:

Estabelecendo conexões pessoais

A primeira suposição de jovens gestores é a de que nunca conseguirão se colocar no lugar de seus funcionários mais velhos. A maioria acredita que quanto menos eles se falarem nos corredores da empresa, melhor conseguirão camuflar esta enorme lacuna de idade e bagagem intelectual.

A verdade é que um interesse sincero por suas vidas e suas aspirações profissionais pode ser muito mais valioso do que as métricas de produtividade podem sugerir. As conexões pessoais permitem que você conheça melhor a sua equipe e mostram mais maturidade profissional da sua parte.

A equipe é o seu melhor recurso

Os colaboradores mais velhos da sua empresa são os seus melhores recursos de aprendizado. Os processos do dia a dia da empresa ou até mesmo atividades do chão de fábrica não são ensinadas nos cursos de administração ou gestão. E se você toma decisões de produção sem habilidades técnicas, por exemplo, vai prejudicar todo o negócio. Então, abra-se, sem medo, aos conhecimentos que estão ao seu fácil alcance.

Não deixe o gap de gerações ditar a sua gestão

A diferença de idade entre os colaboradores e você não pode influenciar seu estilo de gestão. O objetivo de uma posição gerencial é alinhar a equipe para obter o sucesso coletivamente. Por exemplo, pessoas mais velhas não necessariamente terão resistência a seu novo estilo de feedbacks construtivos. Tudo depende do quão transparente e objetiva é a sua abordagem.

Além disso, os treinamentos in company da AG podem ajudar você a atingir estes e outros objetivos de gestão. Entre em contato para saber qual deles é o mais adequado para a sua empresa.

Escrito por Ação Gerencial